E-mail


Senha

Lembrar senha

   
Informe o e-mail usado para fazer o login


   



Pesquisa




Especialista indica óleo de coco para prevenir e combater a candidíase
Enviar release
Este release no seu Blog ou Site
A Farmacêutica Dra. Jackeline Alecrim
A Farmacêutica Dra. Jackeline Alecrim


A indicação é da farmacologista Jackeline Alecrim, que há anos estuda os benefícios do óleo de coco extravirgem na área da beleza e agora também aponta os benefícios do produto na saúde da mulher .

Desde já vale ressaltar que em São Paulo esse problema ataca 75% das mulheres, isso conforme dados da Associação de Obstetrícia e Ginecologia do Estado de São Paulo (Sogesp), e o pior, ainda segundo a Sogesp, metade dessas mulheres terá o problema novamente.

Os principais sintomas da candidíase são coceiras intermináveis, inchaço na região, corrimento, bem como fissuras na parede vaginal, provocadas justamente pelo ressecamento da área, problema também aliviado pelo uso do óleo de coco extravirgem. “O óleo de coco extravirgem favorece a lubrificação natural da área e é 100% natural, não contendo nenhuma substância que possa fazer algum mal para a saúde íntima, ao contrário, de muitos produtos industrializados”, informa Jackeline Alecrim.

O óleo de coco extravirgem é indicado no combate a candidíase por conter lipídios benefícios, como ácidos láurico e caprílico que trazem equilíbrio a região e, de acordo com Jackline Alecrim “favorece a recuperação mais rápida dessa infecção porque ela é causada por algum desequilíbrio da área, seja por fatores internos, como TPM, menstruação, uso de antibióticos, diabetes, consumo excessivo de açúcar, ou fatores externos, como uso de roupa íntima ou calça jeans, muito justas, que não deixam a região respirar. Tudo que deixe a região muito quente e muito úmida propicia o crescimento excessivo da colônia fungíca do local e é justamente ai que o óleo de coco extravirgem age, pois ele ajuda a reequilibrar região evitando à proliferação da colônia fungíca\".

A Candídiase pode ocorrer em homens e crianças, mas é mais comum em mulheres. “Justamente pela TPM, alteração hormonal etc. e também pela anatomia do órgão genital feminino, que tem mucosa mais exposta e uma maior tendência a ter umidade e excesso de calor na região”, comenta Jackeline.

A especialista informa que há estudos ao redor do mundo indicando a capacidade que o óleo de coco extravirgem tem para matar os fungos da candidíase, o que ainda não se sabe, segundo ela, é qual a dosagem correta para essa ação de eliminação desses microorganismos, “mas já é sabido que seu uso diário ajuda a prevenir o problema”.

Por fim, outro efeito positivo do uso do óleo de coco na região é que, conforme a especialista, ele ajuda a controlar de maneira natural a produção de odores específicos.

Dra. Jackeline Alecrim
Farmacologista, especialista em Cosmetologia Avançada e Produtos Naturais de Plantas e derivados.

Mais informações, solicitação de entrevista e de imagens em alta, poderão ser obtidas pelos canais abaixo.

JM - Assessoria de Imprensa & Comunicação
José Maria Filho: Jornalista MTb 19.852
j.maria.filho@uol.com.br | (11) 99804.1112
Márcia Britto: Jornalista MTb 22.827
marciadebritto@hotmail.com | (11) 9.9963.7025



Editorias: Ciência e Tecnologia  Feminina  Saúde  Terceira idade  
Tipo: Pauta  Data Publicação:
Fonte do release
Empresa: JM-Gestão de Imprensa e Comunicação  
Contato: José Maria Filho  
Telefone: 11-28662346-

Envie um e-mail para o(a) responsável pela notícia acima:
Seu nome

Seu e-mail

Mensagem

Digite o código mostrado abaixo

  
Skype:
MSN: maurice161@hotmail.com
Twitter:
Facebook:
Eventos
Copyright 2008 - DIFUNDIR - Todos os direitos reservados. Não é permitida a reprodução deste conteúdo sem prévia autorização.