E-mail


Senha

Lembrar senha

   
Informe o e-mail usado para fazer o login


   



Pesquisa




Quarentena consciente
Enviar release
Este release no seu Blog ou Site

Com um aumento na média de 4% ao ano, o lixo eletrônico é um dos resíduos que mais cresce no mundo. Segundo dados da Organização das Nações Unidas (ONU), o Brasil é o segundo maior produtor de lixo eletrônico do continente americano e o sétimo no planeta, com 1,5 milhão de toneladas por ano. Em um momento em que o isolamento social é essencial, a Lorenzetti, uma das maiores indústrias de eletroeletrônicos do país, apresenta dicas de como executar o descarte consciente dos resíduos, mantendo todos em segurança:

Preparo e cuidado. O primeiro passo é separar os aparelhos elétricos e eletrônicos do lixo reciclável (garrafas plásticas, embalagens, potes de vidro, etc) e do lixo orgânico, pois cada um deles tem uma destinação adequada e a ação facilita o processo de reciclagem.

Momento do descarte. A recomendação é que o consumidor nunca desmonte os produtos antes de descartá-los corretamente. Se o aparelho contem baterias ou pilhas, como celulares, notebook, etc., a indicação é mantê-las no produto, pois esta separação será realizada posteriormente durante a triagem. Para as pilhas comuns, basta descartá-las soltas ou devidamente armazenadas em uma caixinha de papelão ou caixa de suco ou leite usadas e encaminhá-las a qualquer ponto de coleta.

Mais fácil do que você imagina. Uma das principais gestoras de eletroeletrônicos para reciclagem no Brasil é a Green Eletron, fundada pela Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica (Abinee), que possui uma série de Pontos de Entrega Voluntária (PEVs), encontrados nos principais shoppings, supermercados e lojas de diferentes departamentos de diversas cidades brasileiras. Os interessados podem encontrar os pontos mais próximos da residência por meio do site https://greeneletron.org.br/localizador

Previna-se. Neste momento a prioridade é se proteger! Podemos ajudar o meio ambiente ao separar agora os produtos que vamos reciclar depois. A sugestão é que o descarte ocorra quando a cidade onde reside, esteja em um estágio seguro para circulação nas vias públicas. Utilize máscara protetora no momento da viagem para o descarte e lave bem as mãos após a ação, esses cuidados são essenciais. Dessa forma, faremos um bem para a preservação do meio ambiente com segurança e higiene.

Editorias: Ecologia e Meio ambiente  
Tipo: Pauta  Data Publicação:
Fonte do release
Empresa: Press a Porter  
Contato: Erica  
Telefone: --

Envie um e-mail para o(a) responsável pela notícia acima:
Seu nome

Seu e-mail

Mensagem

Digite o código mostrado abaixo

  
Skype:
MSN:
Twitter:
Facebook:
Eventos
Copyright 2008 - DIFUNDIR - Todos os direitos reservados. Não é permitida a reprodução deste conteúdo sem prévia autorização.