E-mail


Senha

Lembrar senha

   
Informe o e-mail usado para fazer o login


   



Pesquisa




Feira Minastchê volta à BH
Enviar release
Este release no seu Blog ou Site

Considerada uma das mais aguardadas e simpáticas feiras de BH, a Minastchê estará na Serraria Souza Pinto (Av. Assis Chateaubriand, 809 - Centro) mostrando para os mineiros um pouco da cultura gaúcha, italiana, polonesa e alemã. Em sua 17ª edição, a tradicional feira começa no dia 26 de abril (sexta-feira), às 18h. Este ano, o evento conta com 100 expositores e reunirá comerciantes de produtos tradicionais como queijos, vinhos, salames, erva-mate, e ainda novidades em moda, couro, artesanato e decoração. Ela acontece durante 10 dias, de segunda a sexta-feira, das 16h às 23h; sábados, domingos e feriados, das 12h às 23h.

Este ano a Feira MinasTchê apresenta COMO NOVIDADE EM BH

- Cultura Polonesa - Nesta edição, além das atrações gaúchas, alemãs e italianas, será apresentado pela primeira vez em BH, destaques da cultura polonesa, que também contribuiu para a colonização e para a cultural do Sul do Brasil, com o GRUPO FOLCLÓRICO POLONÊS WESOLY DOM de Araucária/PR.

Atualmente, estima-se que haja entre 1,5 a 1,8 milhões de descendentes de polacos no país. O Brasil tem a terceira maior população de ascendência polonesa no mundo e a maior concentração de poloneses encontra-se no municio paranaense de São Mateus do Sul. Os municípios Gaúchos de Áurea e Guarani das Missões também possuem grande população Polonesa.

Eles vão apresentar nos dias 26, 27, 28, 29, 30 de abril e 01 de maio ( de Sexta a quarta-feira) as danças apresentadas são (O Rzeszów, Beskid, Ko?omajka, Szot Madziar, Krakowiak).

Os mineiros poderão conhecer, com apresentações ao vivo, as lindas danças típicas polonesas e outras atrações como o Ognisko:

- A palavra Ognisko em Polonês significa fogo e é uma tradi­ção muito antiga na Polônia. No passado, quando pastores e cam­poneses iam manejar os animais, faziam fogueiras (Ognisko) para se aquecer e lá aproveitavam para assar linguiças em varas de ma­deira ou bambú. Com o tempo virou tradição e passou a ser utiliza­da para comemorar e agradecer as boas colheitas no final de cada ano agrícola, além de poder reunir amigos para conversar e se diver­tir. Esta tradição permanece até os dias atuais, tão popular para os poloneses quanto para nós brasileiros realizar um churrasco quan­do nos encontramos com os amigos e familiares nos finais de semana.

Também serão feitos ao vivo pratos como:

BARSZCZ CZERWONY – Clássica e típica sopa de beterraba. Sabor intenso, cores vivas, é servida com creme azedo colocado por cima da sopa (SMIETANA). Acompanha um dos belos pães que eles fazem e vodka.

KIELBASA – são as famosas salsichas polonesas. Eles têm uma variedade delas, feitas com todo tipo de carne: peru, boi, porco, bisão, sangue de porco... E vários temperos, ervas, pimentas...

OBWARZANEK – Parece um pretzel. Geralmente polvilhado com sementes de papoula. Encontra-se em todo lugar. É o único alimento polonês que é protegido pela União Européia. Símbolo não oficial da Cracóvia.

Cultura Italiana - Grupo italiano \"Polenteiros\" - O grupo irá preparar a polenta em um grande tacho ao vivo e após finalizar irá realizar o famoso \"tombo da polenta\". Logo após a polenta será servida para o público da feira. Apresentações acontece somente no 2º final de semana nos dias 03, 04 e 05 de maio.

Polenta é um alimento típico da culinária da Itália, mas já incorporada à culinária de vários outros países, como Argentina, Brasil e Uruguai. Sua base é a farinha de milho. Ela é produzida em grande quantidade, num enorme caldeirão, e as pessoas envolvidas vão cozinhando, dançando e cantando musicas Italianas. No final uma deliciosa polenta é distribuída para todos os presentes. O \'tombo da polenta\' se dá quando ela, depois de um tempo de cozimento, se solta do caldeirão. Apresentação ocorre nos dias 20, 21 e 22 de Abril.

Festa Alemã - As festividades darão ênfases às comemorações da colonização alemã no sul do país. Haverá shows com o grupo Schmetterling Volkstranszgruppe de Juiz de Fora/MGAs apresentações do grupo alemão acontecem nos dias 04 e 05 de maio.

Cultura Gaucha – Além dos muitos estandes expondo e comercializando artesanato, moda e outros gaúchos, a Minastchê apresenta o Grupo Folclórico Gaúcho de Porto Alegre \"Herdeiros Farropilha\". O grupo se apresentará durante os 10 dias do evento.



Os visitantes ainda poderão encontrar:

Cucas – Produzidas por descendentes de alemães há mais de 10 anos, as deliciosas cucas fizeram tanto sucesso nas últimas edições da MinasTchê, \"Além das cucas doces e salgadas feitas diariamente, produzimos pães, biscoitos caseiros, vários tipos de doces, geleias, chimias\", diz Regina Schneider, expositora.

Queijos, salames e vinhos – Os queijos e vinhos encontrados na MinasTchê, são produzidos nas regiões mais tradicionais do Sul do país. Os visitantes da feira poderão adquirir queijos trufados, mozzarellas trançadas com e sem tempero, queijos frescais, defumados, salames, vinhos e sucos de uva para os mais diversos gostos.

Chocolates de Gramado – Expositores da feira desde suas primeiras edições, os Chocolates de Gramado têm diversas opções para quem quer desde uma simples barrinha de chocolate, até um café gourmet, com a qualidade das grandes chocolatarias do Sul.

Moda – Jaquetas, botas, bolsas e cintos em couro, chapéus, malharias, moda outono/inverno, calçados, bijuterias e semijoias, entre diversos produtos masculinos, femininos e infantis.

Utensílios domésticos – Por tratar-se de feira multisetorial, além dois produtos típicos, você poderá encontrar também facas (feitas artesanalmente no estado do Paraná e vendidas somente nas feiras), panelas e diversos itens para a cozinha, decoração, etc.

Praça de Alimentação – Neste local os visitantes poderão saborear o tradicional churrasco gaúcho, à moda fogo de chão, com cortes bovinos e ovinos, com opções de acompanhamentos como mandioca, arroz de carreteiro e feijão tropeiro. Os visitantes poderão curtir uma ótima programação cultural que irá acontecer todos os dias da MinasTchê.

Roda de Chimarrão - Será montada na Serraria Souza Pinto uma minicasa gaúcha onde todos interessados poderão participar da roda de chimarrão, degustar, aprender a fazer um legitimo mate e entender um pouco mais sobre esta bebida típica dos gaúchos.

Estúdio Gaúcho – Quem for visitar a MinasTchê este ano, poder tirar uma foto com trajes típicos no estúdio temático gaúcho que será montado durante o evento e compartilhar com os amigos através das redes sociais.

Espaço Bier Tchê – A cerveja artesanal está cada vez mais popular. Com opções para todos os gostos: dos doces às mais amargas, a cerveja artesanal ganhou espaço, e a partir desse crescimento, paladares mais criteriosos, começaram a buscar recursos para a fabricação da sua própria cerveja. Este espaço é destinado aos apreciadores de cervejas artesanais, que poderão apreciar as marcas: CERVEJARIA BACKER; KRUG BIER; ALELUIA BIER; BRÄUER CERVEJARIA;

Serviço: MinasTchê

Data: 26 de abril a 5 de maio 2019

Local: Serraria Souza Pinto - Av. Assis Chateaubriand, 809 - Fone: 31 - 3292 2323

Hora: segunda a sexta-feira, das 16h às 23h / sábados, domingos e feriados, das 12h às 23h

Valor do ingresso na bilheteria da Serraria Souza Pinto: R$ 8,00 (preço promocional, meia entrada para todos)

Venda antecipada de ingressos: http://www.minastche.com.br

Facebook: Minastchebh - Instagram: minastchebh

Menores de 10 anos e maiores de 60 têm entrada gratuita mediante apresentação de documento.

Editorias: Cultura e Lazer  
Tipo: Pauta  Data Publicação:
Fonte do release
Empresa: Grupo Balo de Comunicação  
Contato: Heberton Lopes  
Telefone: 31-30770606-

Envie um e-mail para o(a) responsável pela notícia acima:
Seu nome

Seu e-mail

Mensagem

Digite o código mostrado abaixo

  
Skype:
MSN:
Twitter:
Facebook:
Tags
•  EDUCAÇÃO  •  CULTURA  •  SAÚDE  •  TECNOLOGIA  •  INTERNET  •  TI  

Mais tags
O que são tags ?

Copyright 2008 - DIFUNDIR - Todos os direitos reservados. Não é permitida a reprodução deste conteúdo sem prévia autorização.