E-mail


Senha

Lembrar senha

   
Informe o e-mail usado para fazer o login


   



Pesquisa




Gengivoplastia: saiba mais sobre o procedimento que promete recuperar a autoestima
Enviar release
Este release no seu Blog ou Site
Gengivoplastia: saiba mais sobre o procedimento que promete recuperar a autoestima
...

Especialistas explicam sobre tratamento que consiste na retirada do excesso de gengiva dando nova aparência aos sorrisos

O sorriso com excessos de gengiva é, muitas vezes, uma das principais queixas de pessoas que procuram o consultório odontológico em busca de um sorriso que mostre mais dentes, mesmo assim, a gengivoplastia, tratamento que resolve esse “incomodo estético” é pouco conhecido pela maioria das pessoas. Era o caso da enfermeira, Carolina Tavares, de 26 anos, que nunca tinha ouvido falar do procedimento até dois anos atrás, quando descobriu através de um colega da possibilidade de mudar seu sorriso.

“Na hora em que eu descobri a possibilidade, procurei o dentista indicado pelo meu amigo e já marquei a cirurgia, para retirar o excesso de gengiva dos meus dentes. Fiquei satisfeita com meu resultado, passei até a sorrir mais”, comenta a enfermeira, que garante ter recuperado parte de sua autoestima.

Especialista na área, a dentista, doutora em dentística restauradora, Paula Cardoso, que possui mais de 20 anos de experiência clínica lembra, porém, que a gengivoplastia ou aumento de coroa clínica estética, não é para todos, mas que, em alguns casos, pode trazer mais do que melhor aparência, também ajudar na saúde bucal.

“Claro que há pessoas que não passam por este problema, mas também há pessoas com gengiva em excesso que não se enquadram nos quesitos para o procedimento, tudo depende de como são os dentes da pessoa por baixo da gengiva. Porém, para quem precisa, e se encaixa, o ideal é realizar a cirurgia, sim, pois ela traz um contorno melhor ao sorriso e ajuda, em muitos casos, a evitar o acumulo de sujeira entre dentes e gengiva”, explica.

Outro profissional da área, o dentista Rafael Decurcio, cirurgião-dentista especialista em periodontia, diz que é necessário avaliar o biotipo gengival para definir a melhor técnica. \"As intervenções cirúrgicas de aumento
de coroa clínica (procedimentos de osteotomia/osteoplastia) para biótipo espesso são dependentes da elevação do retalho para a exposição da crista óssea, visto que a osteoplastia (remoção óssea em espessura) faz-se necessária para otimizar a \'arquitetura\' dental e melhorar a adaptação do tecido mole\", explica.

Nesses casos, e em associação com facetas/lentes de contato, o tempo de cicatrização, que normalmente varia de 90 a 180 dias, deve ser rigorosamente respeitado para que haja a correta maturação dos tecidos moles cervicais. Por isso, Decurcio diz, ainda, que a cirurgia por uma técnica chamada de flapess, para biótipos fino e intermediário, é mais simples quando comparada com a para biotipos espessos, feita com anestesia local.

Outro especialista da área, o dentista Leandro Cardoso, informa também que, em alguns casos é possível utilizar o lazer para realização de aumento de coroa clinica estético para biotipos finos. “Com o laser é possível desenhar a gengiva e o tempo médio para realização é de 15 a 30 minutos”, completou, informando que o procedimento, em geral, pode custar entre 2 e 4 mil reais.

No fim, tanto os dentistas entrevistados, quanto a enfermeira Carolina Tavares, afirmaram que apesar pequeno desconforto causado pela cirurgia no decorrer médio de 30 dias após o procedimento, os benefícios que ficam são imensos.

Editorias: Estética e Beleza  Negócios  Serviços  Saúde  Sociedade  
Tipo: Pauta  Data Publicação:
Fonte do release
Empresa: Carlos Nathan Sampaio Silva  
Contato: Nathan Sampaio  
Telefone: 62-85982767-

Envie um e-mail para o(a) responsável pela notícia acima:
Seu nome

Seu e-mail

Mensagem

Digite o código mostrado abaixo

  
Skype: nathan.sampaios
MSN:
Twitter:
Facebook:
Tags
•  EDUCAÇÃO  •  CULTURA  •  SAÚDE  •  TECNOLOGIA  •  INTERNET  •  TI  

Mais tags
O que são tags ?

Copyright 2008 - DIFUNDIR - Todos os direitos reservados. Não é permitida a reprodução deste conteúdo sem prévia autorização.