E-mail


Senha

Lembrar senha

   
Informe o e-mail usado para fazer o login


   



Pesquisa




Entenda o que é o sarampo
Enviar release
Este release no seu Blog ou Site
Entenda o que é o sarampo
...

A Organização Mundial da Saúde (OMS) contabilizou, até julho deste ano, 364.808 casos de sarampo no mundo. A doença, que teve altas taxas de mortalidade entre crianças até os aos 70, já estava controlada no Brasil há décadas. O infectologista Dr. Romes Rufino Vasconcelos esclareceu sobre a gravidade dessa doença:


O que é o sarampo?

Dr. Romes: O sarampo é uma doença grave que pode ter complicações, causada por um vírus (paramyxovirus do grupo morbilivirus). Os sintomas iniciais são tosse, coriza, conjuntivite e febre. Após poucos dias da contaminação, aparece o típico exantema (erupções avermelhadas na pele), que iniciam no tronco. O exantema não coça e dura pouco mais que uma semana. Bem no começo do exantema, aparecem manchas brancas muito típicas nas mucosas, mais fáceis de ver na mucosa oral - as manchas de Koplick.


Transmissão

Dr. Romes: O sarampo é uma doença muito contagiosa e a transmissão ocorre por gotículas respiratórias. 90 % das pessoas suscetíveis adquirem sarampo ao entrar em contato com alguém contaminado. A doença dá imunidade definitiva: só se tem sarampo uma vez. É contagioso dois dias antes de o exantema surgir e até cinco dias depois.


Por que os casos sarampo voltaram?

Dr. Romes: O Brasil ficou alguns anos sem notificar caso de sarampo até que em janeiro de 2018, casos importados da Venezuela deflagraram importantes surtos em Roraima e no Amazonas, onde a cobertura vacinal estava bem abaixo do necessário, 95%.


Vacinação

Dr. Romes: De acordo com os calendários de vacinação das sociedades brasileiras de Imunizações (SBIm) e de Pediatria (SBP), a vacinação rotineira para crianças deve ser com duas doses, sendo aos 12 e 15 meses de idade. No momento, o Ministério da Saúde recomenda vacinação para criança após 6 meses de idade. São consideradas vacinadas as pessoas com duas doses da vacina até 29 anos e com uma dose da vacina dos 29 aos 49 anos. São contraindicadas para receber a vacina: gestantes e pessoas imunossuprimidas por doenças ou uso de medicação.

Editorias: Saúde  
Tipo: Pauta  Data Publicação:
Fonte do release
Empresa: Kompleta Comunicação  
Contato: Kompleta Comunicação  
Telefone: 34-3086616-

Envie um e-mail para o(a) responsável pela notícia acima:
Seu nome

Seu e-mail

Mensagem

Digite o código mostrado abaixo

  
Skype:
MSN:
Twitter:
Facebook:
Tags
•  EDUCAÇÃO  •  CULTURA  •  SAÚDE  •  TECNOLOGIA  •  INTERNET  •  TI  

Mais tags
O que são tags ?

Copyright 2008 - DIFUNDIR - Todos os direitos reservados. Não é permitida a reprodução deste conteúdo sem prévia autorização.