E-mail


Senha

Lembrar senha

   
Informe o e-mail usado para fazer o login


   



Pesquisa




Sociedade Brasileira de Cardiologia promove o Dia do Coração com estudantes de São Caetano do Sul
Enviar release
Este release no seu Blog ou Site
Formação de monitores
Formação de monitores

A Sociedade Brasileira de Cardiologia – SBC – promove na próxima terça-feira, 15 de outubro, o Dia do Coração na EMEFM Arquiteto Oscar Niemeyer, em São Caetano do Sul/SP. As ações com oficinas de nutrição, atividade física, relaxamento, multimídia/estudo e teatro com o foco na prevenção das doenças cardiovasculares, principal causa de mortes no país, com 400 mil óbitos todos os anos, irão envolver a participação de mais de 600 alunos.
O programa ‘SBC vai à Escola’ já passou por dezenas de cidades em todo o Estado de São Paulo em mais de 200 escolas públicas envolvendo 63 mil alunos e já está sendo expandido para outros estados. “As crianças e os adolescentes precisam estar informadas desde cedo sobre prevenção aos fatores de risco para o coração”, lembra o diretor de Promoção da Saúde Cardiovascular da SBC, Fernando Costa.
Uma pesquisa realizada com estudantes de 11 a 17 anos, no ano passado, em São Caetano do Sul, revelou um alto consumo de alimentos ultraprocessados: 84% dos alunos consumiram macarrão instantâneo, sopa de pacote ou lasanha congelada, no dia anterior da sondagem, conforme questionário. 56% tomaram refrigerantes, 42% ingeriram refresco em pó, 47% comeram biscoito ou bolacha doce recheada e 49% se alimentaram com alguma sobremesa industrializada. Para a integrante do Comitê da Criança e do Adolescente da SBC, Carla Lantieri, “os índices são muito elevados e comprovam ainda mais a importância de programas como o ‘SBC vai à Escola’”.
Segundo a cardiologista e coordenadora do levantamento, 72% dos entrevistados disseram ter comido feijão, ervilha, lentilha ou grão de bico no dia anterior, 68% comeram laranja, banana, maçã ou abacaxi, 69% tomaram leite e 86% ingeriram amendoim, castanha de caju ou castanha do Pará. “Apesar da diversidade do cardápio, a alimentação saudável é alcançada quando mais alimentos in natura são consumidos em comparação com os alimentos industrializamos. Devemos ainda atribuir à alimentação saudável ao equilíbrio quali/quantitativo das diversas classes de alimentos, não menos importante é a origem e o tipo de processamento, bem como a forma que é servido à mesa”, alerta Carla Lantieri.
O programa ‘SBC vai à Escola’, em São Caetano do Sul, tem o apoio da Socesp ABCDM, das Secretarias Municipais da Saúde, Educação e Esporte, da Universidade de São Caetano do Sul, com seus acadêmicos, da Faculdade de Medicina do ABC, dos Residentes da Residência Multidisciplinar em Cardiologia do HCor e do SOS Cidadão 156.

SERVIÇO:

Data: 15 de outubro
Horário: 8h às 12h e 13h às 17h
Local: EMEFM Arquiteto Oscar Niemeyer
Endereço: Av. Paraíso, 600 - Osvaldo Cruz, São Caetano do Sul /SP
Atividades: Oficinas de nutrição, atividade física, relaxamento, multimídia/estudo e teatro

Editorias: Educação  Governo  Saúde  
Tipo: Pauta  Data Publicação:
Fonte do release
Empresa: DOC Press  
Contato: Anadi Luchetti  
Telefone: 11-55338781-

Envie um e-mail para o(a) responsável pela notícia acima:
Seu nome

Seu e-mail

Mensagem

Digite o código mostrado abaixo

  
Skype:
MSN:
Twitter:
Facebook:
Tags
•  EDUCAÇÃO  •  CULTURA  •  SAÚDE  •  TECNOLOGIA  •  INTERNET  •  TI  

Mais tags
O que são tags ?

Copyright 2008 - DIFUNDIR - Todos os direitos reservados. Não é permitida a reprodução deste conteúdo sem prévia autorização.